Campeão de Inácio Soares cada vez mais longe do topo

Moçambique 19.06.2022 16:00
Por Alexandre Zandamela, Maputo

O Black Bulls esteve a perder por duas bolas sem resposta até ao intervalo, no reatamento empertigou-se, tirando partido do adormecimento do Ferroviário da Machava, conseguiu marcar também dois golos, saindo do Estádio da Machava, este domingo, com empate 2-2, contudo, a equipa do português Inácio Soares não se livrou de um facto que já começa a ser preocupante nas suas hostes: cada vez mais atrasado – sete pontos de desvantagem – em relação à líder União Desportiva do Songo.


Este é, na verdade, o acontecimento mais relevante da quarta jornada do Campeonato Moçambicano de Futebol da 1ª Divisão, tendo em conta que, para as contas somente da etapa inicial, o campeão em título estava realmente em maus lençóis, face ao ataque mais eficiente dos locomotivas, com tentos de Traoré e Yude.


Só que, surpreendentemente, para uma formação adulta e candidata ao título, o Ferroviário de Maputo contentou-se cedo com o triunfo parcial e, quanta pequenez, primou pelo “cai-cai” que acabaria por lhe ser fatal. O Black Bulls puxou dos seus galões, empatou por Rume e Nené e, inclusive, esteve à beira de conquistar os três pontos.


Numa jornada em que estava em discussão a liderança, quem colheu dividendos de ouro foi a União Desportiva do Songo. Ganhando por apenas 1-0, golo de Nélson, ao Ferroviário de Nacala, os hidroeléctricos tiraram partido não somente da igualdade no Estádio da Machava como também do empate 1-1 no desafio entre Costa do Sol e Ferroviário de Nampula, havido no sábado, no Tchumene.


Neste jogo, os locomotivas do português Nélson Santos adiantaram-se no marcador, por intermédio de Chelito, porém, permitiram o empate dos canarinhos, através de Beto Maravilha, mesmo ao cair do pano.

O Ferroviário da Beira, outro concorrente ao título, também se deixou atrasar na corrida, ao empatar 0-0, no Chiveve, com a Liga Desportiva de Maputo.


Nos restantes embates, destaque para os triunfos do Ferroviário de Lichinga e do Incomáti, ambos por uma bola sem resposta. Os locomotivas do Niassa foram à Zambézia derrotar o Matchedje de Mocuba com tento de Válter e os açucareiros, em Xinavane, venceram a Associação Desportiva de Vilankulo, com Tomás a apontar o golo.


Resultados da 4ª jornada:

Ferroviário de Maputo-Black Bulls                                        2-2

UD Songo-Ferroviário de Nacala                                           1-0

Costa do Sol-Ferroviário de Nampula                                    1-1

Ferroviário da Beira-Liga Desportiva de Maputo                  0-0

Matchedje de Mocuba-Ferroviário de Lichinga                     0-1

Incomáti de Xinavane-AD Vilankulo                                     1-0


Classificação: UD Songo 12 pontos, Costa do Sol 10, Ferroviário de Nampula 10, Ferroviário de Lichinga sete, Black Bulls cinco, Ferroviário da Beira cinco, Ferroviário de Maputo cinco, Liga Desportiva de Maputo quatro, Ferroviário de Nacala três, AD Vilankulo três, Incomáti três e Matchedje de Mocuba zero pontos.

Ler Mais
Comentários (0)

Últimas Notícias