Horácio Gonçalves: «Quem chega a uma meia final só pode pensar na final»

Moçambique 16-07-2021 08:14
Por Álvaro da Costa,  Maputo

A seleção moçambicana de futebol tem esta sexta feira um jogo de 'vida ou morte' diante da África do Sul,  no qual decidirá se rumará para a final da Taça COSAFA ou se ficará pelo caminho. A julgar pelas palavras de Horácio Gonçalves ao Mambas não falta vontade e energia para atacar a terceira presença na final do torneio regional. Em 2008 e 2015 foram as únicas vezes que a equipa nacional de Moçambique logrou chegar ao desafio decisivo.

 

«Temos uma meia final amanhã (sexta feira) e é para vencer, nós temos que pensar assim. Antes de qualquer jogo temos que ter esse espírito ganhador e estamos a construir para que no futuro sejamos mais fortes», perspetivou. 

 

Para o técnico português aconteça o que acontecer na sexta feira, o balanço será sempre positivo. «Chegarmos as meias finais já foi uma surpresa para muita gente, mas para nós (equipa técnica) não porque conhecíamos este grupo, vimos nele capacidade e  por isso é que convocamos. Dissemos sempre desde o início que o nosso objetivo era passar a fase de grupos. Agora que cá estamos só podemos lutar pela final e é o que vai acontecer. Quem aqui chega só pode pensar desta forma», anotou.

 

Moçambique qualificou-se para as meias finais em segundo lugar do grupo B, após vencer a Namíbia (1-0) na quarta feira. 

 

Refira-se que Horácio Gonçalves apostou na seleção sub-23 para esta prova e até aqui tem sido feliz.

 

Na outra meia final jogam Senegal e Esuatini. 

 

Ler Mais
Comentários (0)

Últimas Notícias

Mundos