«Jogos com uma carga emocional muito elevada», diz Luís Gonçalves sobre final de apuramento ao CAN

Moçambique 27-02-2021 12:39
Por Álvaro da Costa, Maputo

Falta precisamente um mês para os Mambas jogarem com o Ruanda, naquele que será o primeiro dos dois jogos decisivos nas contas de qualificação para o Campeonato Africano das Nações- Camarões 2021.

 

E é precisamente sobre as partidas, primeiro em Kigali, diante do Ruanda,  26 de março, e depois a 31 do mesmo mês, em Maputo, com Cabo Verde, que o selecionador nacional de Moçambique, Luís Gonçalves, falou a A BOLA,  prevendo que sejam«de uma carga emocional muito elevada».

 

«Naturalmente que teremos pela frente dois jogos diferentes, quando comparado aos com os Camarões. Primeiro porque os adversários são diferentes e, para além disso, serão as duas últimas e decisivas jornadas. Por outro lado, serão dois jogos com uma carga emocional muito elevada, por aquilo que está em jogo e por toda a pressão natural, criada pelas expetativas de todos em Moçambique», projetou o técnico português.

 

Para levar de vencida ruandeses e cabo verdianos , Luís Gonçalves traça a receita. «Temos de ser iguais a nós próprios, humildes, mas ambiciosos e trabalhadores, conscientes do nosso valor e dos adversários, estando sempre focados no objetivo. Sempre trabalhámos e continuaremos a fazê-lo para honrar a camisola nacional, perseguindo os nossos objetivos traçados, desde o início e sempre com a vontade de dar muitas alegrias ao povo moçambicano», frisou.

 

O técnico português disse ainda esperar que até março os jogadores possam estar na forma necessária de modo a darem o seu melhor quando forem chamados à Seleção.

 

Quando faltam duas jornadas por disputar, Mocambique ocupa a segunda posição com 4 pontos, a par de Cabo Verde.  Camarões lidera com  10 e o Ruanda é último classificado com 2.

Ler Mais
Comentários (2)

Últimas Notícias