Morreu Sindika Dokolo, marido de Isabel dos Santos

Angola 30.10.2020 11:16
Por Redação

Sindika Dokolo, empresário de 48 anos e marido de Isabel dos Santos, morreu esta quinta-feira no Dubai. O também colecionador de arte nasceu em Kinshasa, na atual República Democrática do Congo, em 1972, e era casado com a filha do ex-presidente de Angola há 18 anos. 


Ainda não são conhecidas oficialmente as causas da morte, mas de acordo com vários jornais congoleses, e até de um assessor do presidente da República Democrática do Congo, terá sido devido a um acidente de mergulho. «Foi durante um mergulho que partiu para a eternidade, uma atividade habitual que o afastou da sua luta e dos seus entes queridos», escreveu no Twitter Micheé Mulumba. 


Nas redes sociais, há algumas horas - não se sabendo ao certo quando terá acontecido o acidente -, Isabel dos Santos publicou uma fotografia em que surge com o marido e um dos fihos. 


 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

My love ...

A post shared by Isabel Dos Santos (@isabel_dos_santos.me) on


Sindika era apontado como o maior colecionador de arte africana contemporânea, de acordo com perfil da agência angolana Angop. Enquanto empresário foi membro do conselho de administração da empresa cimenteira angolana Nova Cimangola e também da Amorim Energia, que tem uma posição indirecta de 33,34% na Galp, e accionista da empresa de joalharia de luxo De Grisogono.


Em 2016 fixou no Porto a sede para a sua fundação na Europa, sendo que a sua coleção reuniu mais de três mil obras, entre pinturas, gravuras, fotografias, vídeos e instalações, numa coleção avaliada em cerca de 50 milhões de euros.


Por outro lado, tal como agora Isabel dos Santos, os negócios de Sindika Dokolo estavam a ser investigados pela justiça angolana, na sequência dos «Luanda Leaks».


O casal é suspeito de ter lesado o Estado angolano em milhões de dólares e foi alvo de arresto de bens e participações sociais em empresas, em dezembro do ano passado, por determinação do Tribunal Provincial de Luanda.


Ana Gomes estranha


Ana Gomes, candidata à Presidência da República de Portugal, reagiu com «estranheza» à notícia da morte do marido de Isabel dos Santos. Numa publicação no Twitter  escreveu «Estranho. Muito estranho», sem concretizar, tendo sido já criticada pelo comentário.


Ler Mais

Últimas Notícias