África regista 7.197 mortes e 267 mil casos

África 18-06-2020 10:20
Por Redação

 

Segundo o Centro de Controlo e Prevenção de Doenças da União Africana (África CDC), o número de infetados passou de 259.036 para 267.519, mais 8.483 nas últimas 24 horas e o número de morte é agora de 7.197. 

 

A África Austral regista 84.285 casos e 1.711 mortos, a grande maioria concentrada na África do Sul, o país com mais casos em todo o continente, registando, esta quinta-feira, 80.412 e onde há 1.674 vítimas mortais.
 

O Norte de África continua a liderar no total de mortes: 3.015 e 73.136 infeções; a África Ocidental lamenta 1.038 mortes em 55.424 infetados; a África Oriental tem 867 vítimas mortais e 28.811 casos, enquanto na África Central há 566 mortos em 25.863 infeções.
 

O Egito contabiliza 1.850 em 49.219 infeções, seguindo-se a África do Sul e depois a Argélia, com 799 vítimas mortais e 11.268 infetados.

 

A Nigéria é um dos paises mais afetados, com 469 mortos e 17.735 infetados, e o Gana regista 66 mortes em 12.590 infeções.
 

Quanto aos países africanos lusófonos, a Guiné-Bissau é o que tem mais infeções e mortes: 1.492 casos e 15 vítimas mortais. Cabo Verde tem 782 infeções e sete mortos e São Tomé e Príncipe contabiliza 683 casos e 12 mortos.
 

Moçambique conta 651 doentes infetados e quatro mortos e Angola tem 155 casos confirmados de covid-19 e sete mortos.
 

A Guiné Equatorial, que integra a Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), regista 1.664 casos e 32 mortos.

Ler Mais

Últimas Notícias

Mundos