Restaurantes da Praia tentam aproveitar 'take-away' para salvar o negócio

Cabo Verde 05-04-2020 10:37
Por Lusa

Os empresários de restauração da cidade da Praia tentam adaptar-se ao estado de emergência em Cabo Verde, devido à pandemia da covid-19, e apostam agora, ainda que de portas fechadas, em servir refeições 'take-away'.

 

Cabo Verde entra hoje na segunda semana de estado de emergência, declarado para conter a pandemia provocada pelo novo coronavírus, com a população obrigada ao dever geral de recolhimento, com limitações aos movimentos, empresas não essenciais fechadas e todas as ligações interilhas suspensas.

 

Restaurantes e padarias podem funcionar, mas apenas em regime de 'take-away', como prevê o decreto-lei que regulamenta o estado de emergência até 17 de abril. Essa exceção tem sido utilizada por Eurisandra Brito, gerente do "Sabor Krioula", no centro da cidade da Praia, para manter aquela padaria e restaurante a funcionar, embora em serviços mínimos.

Ler Mais

Últimas Notícias