Proprietário de rede de lojas raptado no centro do país

Moçambique 10-02-2020 10:25
Por Lusa

Homens armados não identificados raptaram no sábado um empresário proprietário de uma rede de estabelecimentos comerciais em Chimoio, capital provincial de Manica, no centro de Moçambique, anunciaram hoje as autoridades.

 

«Estamos a trabalhar no caso», referiu o porta-voz do comando provincial da Polícia da República de Moçambique (PRM), Mateus Mindu, ao confirmar o sequestro à Agência de Informação de Moçambique (AIM), remetendo mais detalhes para segunda-feira.

 

Issufo Satar foi raptado pelas 19:00 (17:09 em Lisboa) quando estava a sair de uma das suas lojas, relatou um dos seguranças do estabelecimento comercial citado pela AIM.

 

Segundo descreveu, os raptores «estavam mascarados e a carregar armas», ameaçando disparar sobre o próprio segurança enquanto levavam o empresário para a viatura em que se faziam transportar.

 

«Foi tudo muito rápido. Chegaram mesmo na altura em que o meu patrão estava a sair da loja» e deixaram o local a alta velocidade, concluiu.

A PAIXÃO CONTINUA EM CASA


O momento particular que vivemos determina a permanência das pessoas em casa além do fecho de todas as lojas comerciais alterando dramaticamente os hábitos das pessoas no que toca à leitura e ao acesso à informação.

Neste momento de grandes dificuldades para todos, estamos a trabalhar a 100% para continuar a fazer-lhe companhia todos os dias com o seu jornal A Bola , o site ABOLA.pt e no canal A Bola Tv.

Mas este trabalho só vale a pena se chegar aos seus clientes de sempre sem os quais não faz sentido nem é economicamente sustentável.

Para tanto precisamos que esteja connosco, que nos faça companhia, assinando a versão digital de A Bola e aproveitando a nossa campanha de assinaturas.

ASSINE JÁ

Ler Mais

Últimas Notícias