Número de turistas aumentou 4,5% em 2019 comparativamente ao ano anterior

São Tomé e Príncipe 07-02-2020 21:29
Por Lusa

Pelo menos 34.900 turistas visitaram São Tomé e Príncipe em 2019, «o que representa um aumento de 4,5% comparativamente a 2018», anunciou, est6a sexta-feira, a ministra do Turismo, Cultura, Comércio e Indústria.

 

«No ano de 2019, o país atingiu um total de 34.900 visitantes, valor que demonstra claramente a dinâmica da atividade turística», assinalou Graça Lavres.

 

A governante sublinhou que o turismo «tem vindo a crescer de forma gradual nos últimos anos», facto que tem merecido a atenção do Governo pela «importância e o contributo deste setor na economia do país, na melhoria da qualidade da oferta turística e no domínio da promoção do destino».

 

Portugal, Angola, França e Alemanha estão no topo da lista dos países com mais turistas a visitar o arquipélago

 

De acordo com a ministra do Turismo, os operadores turísticos «estão engajados para fazerem deste setor o motor da economia nacional», apelando, depois, para uma «maior aposta na qualidade dos serviços».

 

O presidente da Associação do Turismo, Amilton Cruz, afirmou, por seu turno, que se tem verificado “nos últimos cinco anos um aumento exponencial de turistas”.

 

«Tínhamos cerca de 8000 turistas por ano, atualmente temos quase 35 mil. Isso significa um bom crescimento, que representa uma fatia importante para a economia do país», referiu o dirigente.

 

Amilton Cruz lamentou que, apesar do crescimento, «São Tomé e Príncipe continua a ser um destino turístico muito caro, o que dificulta o aumento do fluxo de turistas ao país».

Já agora: existem cinco voos de ligação semanal com a Europa, cujas tarifas, por vezes, ultrapassam os 1200 euros por pessoa para seis horas de voo.

Há, também, outras três rotas com África, sendo duas a partir de Angola e outra através da Guiné Equatorial.

A PAIXÃO CONTINUA EM CASA


O momento particular que vivemos determina a permanência das pessoas em casa além do fecho de todas as lojas comerciais alterando dramaticamente os hábitos das pessoas no que toca à leitura e ao acesso à informação.

Neste momento de grandes dificuldades para todos, estamos a trabalhar a 100% para continuar a fazer-lhe companhia todos os dias com o seu jornal A Bola , o site ABOLA.pt e no canal A Bola Tv.

Mas este trabalho só vale a pena se chegar aos seus clientes de sempre sem os quais não faz sentido nem é economicamente sustentável.

Para tanto precisamos que esteja connosco, que nos faça companhia, assinando a versão digital de A Bola e aproveitando a nossa campanha de assinaturas.

ASSINE JÁ

Ler Mais

Últimas Notícias