Cristiano Ronaldo revela o jogo mais complicado da carreira

Seleção 21-08-2019 21:20
Por Redação

A jogar ao mais alto nível desde 2002, Cristiano Ronaldo não teve dificuldades em eleger a partida mais complicada da carreira. O avançado de 34 anos recuou a 7 de setembro de 2005, quando defrontou a Rússia em Moscovo (0-0), numa partida de qualificação para o Mundial-2006, um dia depois do pai morrer.

 

«Foi o mais duro, mas acabou por ser uma exceção. Obviamente que ter jogado no dia seguinte a receber a notícia foi… Mas não me arrependo de ter jogado. É o que gosto de fazer, é o meu trabalho e acabou por ser uma homenagem. Mas foi situação única», começou por explicar em conversa com a TVI.

 

Uma exceção para Cristiano Ronaldo que fez questão de frisar a vontade em competir.

 

«De resto não me lembro de jogos difíceis. Eu gosto de competir e acho que ainda vou ter 50 anos e vou estar a competir. Agora obviamente que defrontar o Osasuna não é a mesma coisa que jogar com o Barcelona. A preparação é igual, mas a adrenalina é diferente, existe aquele nervosismo que é excelente. Porque se não tiver medo de falhar, é sinal que estou na minha zona de conforto», concluiu.

Ler Mais
Comentários (3)

Últimas Notícias