«José Eduardo Moniz tentou manipular o desenrolar dos trabalhos da AGE»

Benfica 22:49
Por Redação

O movimento Servir o Benfica emitiu um comunicado pronunciando-se sobre a Assembleia Geral de ontem dos encarnados, podendo retirar-se do mesmo algumas ideias fortes, entre as quais «apesar de todos os constrangimentos colocados pelos Órgãos Sociais em funções, que culminaram na adulteração da Ordem de Trabalhos, um momento único de benfiquismo», destaca o documento, em que o tom crítico é premente.

 

«Os Órgãos Sociais do Clube não estiveram à altura do que podia ter sido um momento marcante da nossa história associativa» e acusa: «O Vice Presidente da Direcção demissionária, José Eduardo Moniz, tentou manipular de forma tão ostensiva quanto anti-democrática o desenrolar dos trabalhos.» Mas as críticas prosseguem: «Todos os sócios foram presenteados com a mais incapaz liderança da Mesa da Assembleia Geral de que há memória. Pires de Andrade não tem qualquer competência ou nível para o cargo que ocupa. Foi, desde o início, prepotente, arrogante, mostrando ao longo da noite um profundo desconhecimento dos Estatutos, das normas de funcionamento da reunião de Assembleia Geral que inquinou com a sua parcialidade e, acima de tudo isso, uma total ausência de algo tão simples como bom senso.»

 

Na conclusão, o movimento deixa claro: «O Servir o Benfica saiu da reunião de Assembleia Geral Extraordinária com a promessa de, na próxima segunda-feira, reunir com os Órgãos Sociais do Clube para definir um documento de Regulamento Eleitoral, tendo por base o que foi apresentado.»

 

Ler Mais
Comentários (76)

Últimas Notícias

Mundos