«Samu é explosivo e tem golo»

Benfica 22-01-2020 09:37
Por Eduardo Pedrosa Marques

Samuel Pedro, mais conhecido por Samu no mundo do futebol, tem tudo para vencer de águia ao peito. Quem o garante é Lito Vidigal, treinador que o lançou na alta roda do futebol português, a 6 de dezembro, no jogo entre Boavista e Benfica, no Bessa.

 

Nessa data, ainda Lito Vidigal era treinador do Boavista, a convocatória dos axadrezados surpreendeu: Samuel Pedro, avançado júnior de 18 anos, estava incluído na lista dos eleitos para a receção ao Benfica. E mais espanto houve para alguns, por certo, quando, a pouco mais de 20 minutos do final da partida (que os encarnados venceram por 4-1), Samu foi lançado em jogo, estreando-se, assim, no principal escalão nacional. Apesar de não ter jogado muito tempo, teve nota 5 de A BOLA.

 

Pouco mais de dois meses depois, assina contrato com o Benfica. O futuro próximo, ao serviço das águias, poderá variar entre juniores, sub-23 ou equipa B, mas a médio prazo o sonho passará por chegar à formação principal.

 

Para tentar perceber melhor o que Samu pode, afinal, oferecer ao Benfica, A BOLA esteve à conversa com Lito Vidigal, técnico que seguiu atentamente a carreira do avançado goleador nos juniores do Boavista e que o chamou para os seniores.

 

«Eu não lanço jogadores por ser bonito, faço-o quando sinto que têm capacidade e qualidade para isso. O Samu é explosivo, muito forte no um para um e tem golo. Pode jogar como extremo ou como segundo avançado. Até porque gosta bastante de atacar espaços interiores e talvez seja no apoio ao ponta de lança que venha a render mais. É forte no jogo aéreo e tem uma relação muito direta com as balizas adversárias. Vejo nele um jovem com muito valor, que precisa de continuar a desenvolver o seu processo de formação sem grande pressão. Deixem-no evoluir! Se me surpreende ter chegado já a um grande? Sinceramente, não! Eu próprio falei com ele várias vezes e dizia-lhe que podia ser titular na nossa equipa do Boavista, pela qualidade que tinha. Assim sendo, aumentaria muito a probabilidade de progredir na carreira. Julgo que vai lidar bem com este salto na carreira», analisou Lito.

 

O contrato de longa duração, cinco épocas e meia, e o valor da cláusula de rescisão - € 60 milhões - impõem respeito. Mas será que estes números podem assustar o jogador? «A política do Benfica tem sido essa, dar contratos longos e cláusulas dentro desses valores a muitos jovens, logo não vejo nada de anormal. É um miúdo que pode corresponder a essa expetativa», concluiu Lito Vidigal.

Ler Mais
Comentários (18)

Últimas Notícias