Platini deixa duras críticas ao VAR

UEFA 18-11-2019 11:10
Por Redação

O antigo presidente da UEFA Michel Platini foi ilibado das acusações de corrupção pela justiça suíça, e em entrevista à Rai, deixou algumas frases fortes no que toca à FIFA e ao VAR.

 

«Sempre pensei ser um homem livre. Não foi por isso que deixei o futebol. O futebol não pertence à FIFA. A justiça desportiva não me queria como presidente da FIFA. A certo ponto, o meu destino passava por mudar alguma coisa no futebol. Um antigo jogador podia, finalmente, decidir qualquer coisa na gestão desportiva», disse.

 

Quanto ao VAR, fala de uma permanência certa para o futuro, mas questiona o modo de funcionamento. «Não resolve nada. São precisos 30 minutos para explicar por que não estou de acordo. Penso que nunca mais desaparecerá, mas parece-me uma bela porcaria», finalizou.

Ler Mais
Comentários (12)

Últimas Notícias