Revolução no onze para Alvalade

Belenenses 09-11-2019 11:09
Por Redação

A súbita onda de lesões que atacou o Belenenses vai obrigar Pedro Ribeiro a proceder a uma revolução no onze, com diversas alterações, sendo que algumas delas serão, também, por opção técnica.

 

Comecemos pela defesa. Com o guarda-redes Koffi, o central Gonçalo Silva e os laterais Diogo Calila e Francisco Varela entregues ao departamento médico, o treinador dos azuis do Jamor terá de formar um quarteto nunca testado em jogo e que deverá ser composto por Simón Ramírez em estreia a titular na direita, ele que tem sido regularmente utilizado nos sub-23, tendo apenas 16 minutos na Liga, somados no duelo com o Portimonense (0-0), da 1.ª jornada;  Nuno Coelho e Tomás Ribeiro no eixo, mantendo-se, assim, a dupla dos últimos encontros do Belenenses; e Chima Akas, lateral-esquerdo que não joga há mês e meio, isto é, desde a derrota em casa com o Rio Ave (0-2), a 21 de setembro.

 

Na baliza estará André Moreira, titular no Campeonato em apenas duas ocasiões esta temporada, a última delas na goleada sofrida diante do Vitória de Guimarães (0-5).

 

A espreitar a estreia num onze inicial do Belenenses na Liga estará o avançado colombiano Matteo Cassierra, depois de, na última jornada, no duelo em casa com o Paços de Ferreira, ter saltado do banco a seis minutos do final para marcar o golo da vitória dos azuis por 1-0.

 

O atacante de 22 anos foi um dos elementos da equipa principal chamados ao jogo da Liga Revelação entre o Belenenses e o Vitória de Setúbal, ontem realizado e que terminou com vitória azul por 1-0. Cassierra jogou toda a segunda parte, algo que não o impedirá de poder ser titular amanhã frente ao Sporting - também Ramírez jogou os últimos 25 minutos, enquanto Benny, que poderá ser convocado para Alvalade, foi titular e saiu ao intervalo.

 

Também Kikas, avançado de 21 anos que se destacou no final da época passada e que já tem um golo na Liga na presente época, poderá voltar a ser aposta inicial de Pedro Ribeiro. O jovem atacante saltou, igualmente, do banco no encontro com os castores, ajudando ao impulso final que resultou na vitória. A entrada destes dois jogadores poderá levar a sacrificar dois dos seguintes três: Robinho, Marco Matias ou Silvestre Varela.

 

Na memória de todos no Jamor estará, decerto, a pesada derrota em casa sofrida no final da época passada diante do Sporting - os azuis foram goleados por 1-8, a mais pesada derrota de sempre no seu estádio -, mas também ninguém esquece a penúltima visita a Alvalade, num jogo realizado de manhã em 2016/2017, com histórica vitória do Belenenses por 3-1, algo que não acontecia há cinco décadas…

Ler Mais
Comentários (9)

Últimas Notícias