«Tribunal arquivou processo sem ouvir o médico» - Público

Revista de Imprensa 22-10-2019 08:10
Por Redação

«Os pais de uma criança que nasceu com múltiplas malformações, alegadamente sem o obstetra ter detectado as deficiências nas ecografias, fizeram queixa em 2011.

 

A Procuradoria-Geral da República confirmou nesta quinta-feira ao Público a recepção de uma queixa apresentada pela mãe de uma criança que nasceu em Setúbal com malformações graves que não foram detectadas pelo obstetra. E não será o primeiro inquérito do Ministério Público a ter por alvo este clínico em circunstâncias similares. Além de quatro processos em curso no conselho disciplinar da Ordem dos Médicos, o obstetra também foi investigado por um caso semelhante em 2011.»

 

 

Ler Mais

Últimas Notícias