Selby e Allen em ‘meias’ de classe no English Open

Snooker 18-10-2019 21:54
Por António Barroso

O inglês Mark Selby, de 36 anos, quinto da hierarquia e tricampeão mundial (2014, 2016 e 2017) e o norte-irlandês Mark Allen, de 33 anos, sétimo da tabela mundial, venceram esta sexta-feira os seus jogos dos quartos de final do English Open, prova da época 2019/2020 da World Snooker a decorrer até domingo, dia 20 do corrente mês, em Crawley (Inglaterra) e marcaram lugar numa meia-final de eleição, com o frente a frente dos dois maiores favoritos ainda em prova no torneio, sábado, na K2 Arena.

 

Selby recuperou de 0-3 para vencer por 5-3 o carrasco de O’Sullivan na prova, o chinês Mei Xi Wen, de 37 anos, 69.º da hierarquia- que grande batalha tática no quinto parcial, para Selby encostar a 2-3…- e, na sessão noturna ‘The Pistol’ Allen suplantou o galês Lee Walker, que eliminara Judd Trump do torneio, sem problemas (5-1, após chegar a 4-0 ao intervalo), para confirmar aquela que será, para muitos, a final antecipada (entre ambos) sábado, nas ‘meias’, jogadas já à melhor de 11 partidas, até um vencer seis (de 6-0 a possíveis 6-5). Até agora, em 16 jogos entre ambos, oito vitórias de cada um.

 

Nos outros jogos dos quartos de final, o inglês David Gilbert, de 38 anos, 11.º do ‘ranking’, venceu jogo emocionante na ‘negra’ (5-4) ante o compatriota Ricky Walden, enquanto outro inglês, Tom Ford, de 36 anos, 24.º da tabela mundial, suplantou o chinês Tian Pengfei, de 32 anos, 65.º do ‘ranking’, também sem ceder um parcial: 5-0.

 

Gilbert e Ford enfrentam-se sábado na outra ‘meia’, 100 por cento inglesa, de um torneio em que só Allen pode impedir a vitória de um profissional da casa (Inglaterra, os outros três do quarteto nas meias-finais) e em que, é garantido, haverá um Mark na final: ou o norte-irlandês… ou Selby.

 

O English Open, prova da época 2019/2010 da World Snooker pontuável para o ‘ranking’, iniciou-se na segunda-feira e decorre até domingo, dia 20 do corrente mês, em Crawley (Inglaterra). Atribui 405 mil libras (468.260 euros) de prémios, das quais 70 mil libras (80.934 euros) ao campeão.

 

É a primeira de quatro provas das Home Nations Series – com o Open da Irl. Norte, da Escócia e de Gales – e se o mesmo jogador vencer os quatro numa só época tem bónus: um milhão de libras (1,15 milhões de euros) suplementar da World Snooker. A prova é transmitida para Portugal (EuroSport).

 

Quartos de final, esta sexta-feira (apurados a negro):

David Gilbert-Ricky Walden, 5-4

Mei Xi Wen-Mark Selby, 3-5

Tian Pengfei-Tom Ford, 0-5

Mark Allen-Lee Walker, 5-1

 

Meias-finais, sábado (hora local e de Portugal continental):

Mark Selby-Mark Allen (13 horas)

Tom Ford-David Gilbert (19 horas)

Ler Mais
Comentários (4)

Últimas Notícias