Fernando Santos: «O resultado justo teria sido o empate»

Seleção 14-10-2019 22:30
Por Redação

Em declarações na habitual conferência de imprensa de fim de jogo, desta vez frente à Ucrânia, Fernando Santos diz ter faltado cabeça fria à Seleção Nacional.

 

«Entrámos bem no jogo, tivemos boas oportunidades, mas eles tiveram um canto e marcaram. A partir estivemos sempre em perigo e foi quando apareceu o segundo golo. Era preciso ter cabeça fria. Era importante jogar mais com a cabeça e menos com o coração e não foi isso que aconteceu.»

 

Quanto à estratégia de jogo, o selecionador nacional, assume todas as culpas, apesar não considerar que não houve grandes surpresas por parte da equipa ucraniana.

 

«Na segunda parte tentei explorar mais as linhas laterais e apostar mais no jogo ofensivo com a entrada do João (Félix). Depois do Bruno Fernandes, o Bruma também foi a jogo para tentar dar mais largura ao jogo, mas não foi o suficiente.»

 

«Não houve qualquer surpresa. Foi esta a equipa (Ucrânia) que dei a conhecer aos jogadores. A nossa estratégia de jogo talvez não tenha sido a melhor, mas não houve surpresas. Se pensarmos no jogo em Portugal, foi igual. Nós atacámos muito mais, mas sempre que a Ucrânia atacava, atacava com perigo.»

 

«O que faltou foi cercar mais a equipa adversária. Devíamos ter chegado mais à frente, atacado mais e procurado mais controlar o jogo. Depois do 2-1 devíamos ter tido um pouco mais de capacidade, um pouco mais de paciência também teria sido bom. Se calhar a estratégia não foi a melhor, mas isso a culpa é inteiramente minha e assumo que possa não ter feito as melhores escolhas. Ainda assim, penso que o resultado justo teria sido o empate», concluiu.

Ler Mais
Comentários (35)

Últimas Notícias