«Desejo é o regresso à Liga» 

Chaves 27-09-2019 08:56
Por Diogo Caldas

O emblema mais representativo de Trás-os-Montes comemora hoje  70 anos,  no dia das eleições. Candidato único, Bruno Carvalho, líder da Direção desde 2011, tem como proposta prioritária devolver o clube ao escalão principal.  


«A nível desportivo o desejo é ver a equipa principal de regresso à Liga o mais rapidamente possível», adianta o presidente. Mas outras novidades estão em carteira, a começar por um novo hino, do cantor José Malhoa, e o desejo de construir um museu no estádio.

 

Bruno Carvalho, que em 2021  completará 10 anos de presidência, lembra que desde 2011 «tudo mudou», após ter sido negociado «um penoso plano de insolvência» por Francisco Carvalho, empresário e pai do presidente da Direção, Bruno Carvalho, e do da SAD, Francisco José Carvalho.
«Conseguimos melhorar as infraestruturas do clube através da criação da SAD, que permitiu trocar relvados, modernizar o estádio, construir de raiz uma nova bancada e o Complexo Desportivo Francisco Carvalho», vinca.

 

 Apesar da descida da equipa ao segundo escalão no final da temporada transata, as quotas para a época 2019/2020 mantiveram-se inalteradas, mas «porque as despesas do clube são as mesmas», explica.

 

«Não são as quotas dos sócios que ajudam a pagar salários de jogadores ou treinadores na equipa principal, pois isso é responsabilidade da SAD», realça.

 

Com o clube gerido por uma família, o presidente afirma que a relação clube-SAD tem vantagens e desvantagens, mas que nunca existirão problemas entre as duas entidades.

 

«A principal vantagem é que se a gestão for boa as vendas e percentagens nos passes dos jogadores resultam em contratações e investimentos. Já provámos que a SAD não pretende apenas amealhar, pois compra, vende, constrói, cresce enquanto estrutura e faz crescer o clube», esclarece Bruno Carvalho. 
 

Eleições em marcha

 

O ato eleitoral do clube flaviense realiza-se hoje, entre as 14 e as 20 horas, na secretaria do clube, no Estádio Municipal Eng.º Manuel Branco Teixeira. Após as eleições, que decorrem no dia das comemorações do 70.º aniversário do emblema transmontano, realiza-se uma assembleia-geral extraordinária, agendada para as 21 horas, no Auditório GATAT, em Chaves, para a apresentação aos sócios dos resultados do ato eleitoral e também para a tomada de posse dos corpos gerentes para o biénio 2019/2021.

 

Além de Bruno Carvalho como presidente da Direção, a estrutura diretiva vai manter-se praticamente inalterável, com Fernando Campos como presidente da Mesa da Assembleia-Geral e Carlos Castanheira Penas na liderança do Conselho Fiscal.
 

Ler Mais
Comentários (1)

Últimas Notícias