«Imitam macacos depois pedem-te autógrafos»

Espanha 18-09-2019 21:13
Por Redação

Numa entrevista à Cadena Ser, Samuel Eto’o recordou o momento em que abandonou o relvado devido a insultos racistas, num jogo entre Barcelona e Real Saragoça, em 2006, no estádio La Romareda.

 

«Foi um momento triste. Ao mesmo tempo, agradeço ao clube (Barcelona) e aos meus colegas de equipa que me apoiaram. É triste porque muitas vezes levas os teus filhos ao estádio e recordam o que fazes e depois imitam. E, quem sabe, muitos repetem o que faziam os pais sem saberem o que fazem», referiu o antigo avançado camaronês, lamentando que «passados tantos anos» a história continue a repetir-se.

 

«Amarelo, preto, branco… somos todos. Por vezes, há um contraste: nas bancadas imitam macacos, depois pedem-te autógrafos e para tirar fotografias com eles. Ficam com uma fotografia deles com um macaco», ironizou.

 

Ler Mais
Comentários (6)

Últimas Notícias