Argel responde a Jesus: «No Benfica qualquer treinador tem obrigação de ser campeão»

Brasil 14-09-2019 00:18
Por Redação

Argel jogou durante vários anos em Portugal, primeiro no FC Porto (2000) e depois no Benfica (2001/2005). Conhece, por isso, a realidade do futebol português. E sente-se avalizado para comentar as considerações que têm sido feitas por Jorge Jesus desde que chegou a terras de Vera Cruz para orientar o Flamengo.

 

Em entrevista recente à revista francesa So Foot, o português disse que «o treinador brasileiro está ultrapassado taticamente», na medida em que, ao longo do tempo, teve sempre «grandes jogadores que resolviam os problemas táticos sozinhos.»  

 

«No futebol cada um fala o que pensa. É uma questão de interpretação. Eu conheço o Jorge (Jesus), trabalhei contra ele em Portugal. Ele passou por vários clubes pequenos lá até chegar ao Benfica. Eu acho que o futebol brasileiro tem espaço para todos os treinadores. Não vale a pena comentar essa comparação até porque o Jesus, se você olhar, só ganhou o Campeonato português, com o Benfica. Eu já joguei cinco temporadas no Benfica e é obrigação de qualquer treinador e qualquer jogador», vincou Argel, atual treinador do CSA, em conferência de imprensa.

 

Aos olhos de Argel, o melhor treinador português da atualidade responde pelo nome de José Mourinho.

 

«Lá [Portugal] existem três clubes: Benfica, Porto e Sporting, que já faz anos que não ganha. Então, o Jorge não foi campeão da Taça UEFA, por exemplo, nem da Liga dos Campeões, passou longe disso. O melhor treinador português na atualidade é o Mourinho. O Mourinho é referência; ele, sim, foi campeão da Liga dos Campeões, da Taça UEFA, foi campeão em Itália, Inglaterra, em Portugal. Então há uma diferença muito grande», argumentou.

Ler Mais
Comentários (35)

Últimas Notícias