Wenger admite voltar ao Arsenal e revela proposta do Fulham

Inglaterra 08-09-2019 23:15
Por Redação

Sem treinar desde 2018, Arsène Wenger admitiu a hipótese de regressar ao Arsenal. Em conversa com a beIN Sports, o técnico francês assumiu que mantém o contacto com os gunners e que estava disposto a integrar a estrutura do clube.

 

«Tenho mantido contacto com muitas pessoas no clube, apesar de ter procurado manter a distância. Penso que ainda é um pouco cedo, mas gostava de voltar ao clube, não como treinador, mas talvez como uma mais-valia para o departamento de futebol», atirou.

 

Depois de ter dito em várias entrevistas que se sente «desesperado» para voltar, o treinador francês explicou recebeu e recusou uma proposta do Fulham,

 

«Estive tentado, mas tive medo de me atirar assim de cabeça para o projeto. Neste momento sinto-me como alguém que acordou de um coma de 35 anos e que finalmente vê algo diferente que o meu clube, o jogo e o meu trabalho. Por isso achei que precisava de mais algum tempo para analisar as coisas à distância», concluiu.

 

Recorde-se que Arsène Wenger passou 22 temporadas no Arsenal, tendo conquistado três campeonatos, sete Taças de Inglaterra e sete supertaças.

Ler Mais
Comentários (2)

Últimas Notícias