Kompany deixa cargo de treinador em dias de jogo... e passa só a jogador

Anderlecht 22-08-2019 13:30
Por Redação

Após apenas quatro jogos - e nenhuma vitória - Vincent Kompany desistiu da tarefa de ser jogador-treinador no Anderlecht e, em dias de jogo, será apenas jogador. Com dois empates e duas derrotas, este foi o pior arranque do clube belga nos últimos 20 anos.

 

O regresso do ex-jogador do Manchester City ao seu clube de juventude não está a correr como esperado e Kompany vai agora ter ajuda no banco, focando-se em ser capitão em campo.

 

No banco estará o treinador Simon Davies, que com ele deixou o City para rumar à Bélgica. «Ele tem de ser mais jogador no campo, tem de conseguir liderar a equipa dentro do relvado. É importante que seja apenas um dos jogadores durante uma partida», comentou Davies. 

 

 A chegada de Kompany depois de 11 anos no City chamou contratações de peso para o Anderlecht, como Samir Nasri, Nacer Chadli ou Kemar Roofe, mas os resultados tardam em aparecer. 

O FUTURO COM O NOSSO PASSADO


Porque A BOLA não quer que o jornalismo deixe de ser o jornalismo de qualidade que se faz da grande história, da investigação e da grande reportagem – nós temos esse jornalismo (o jornalismo que fez com que se falasse de A BOLA como a Bíblia) para lhe continuar a dar.

Porque A BOLA não quer que o jornalismo deixe de ser o jornalismo do texto criativo e sedutor e da opinião acutilante que não se faz de cócoras ou de mão estendida – nós temos esse jornalismo para lhe continuar a dar…

… e para nos ajudar a manter e a melhorar esse jornalismo sério e independente com o timbre de A BOLA,

Junte-se a nós nesse novo desafio ao futuro, tornando-se nosso assinante.

ASSINE AQUI

A Edição Digital de A Bola

Ler Mais
Comentários (2)

Últimas Notícias