«Não posso dar a papinha na boca a Alexis Sánchez»

Manchester United 17-07-2019 11:02
Por Redação

Contratado ao Arsenal em janeiro de 2018, por indicação de José Mourinho, tarda Alexis Sánchez em impor-se ao serviço do Manchester United.

 

Ole Gunnar Solskjaer, sucessor do treinador português no comando técnico dos red devils, não tem dúvidas quanto à qualidade do internacional chileno. Mas deixa o aviso.

 

«Sabemos do que ele é capaz. Eu, o Alexis e a equipa temos de encontrar uma forma porque estamos a falar de um jogador de topo. Se conseguirmos pô-lo no caminho certo, ele dá-nos 20 golos à vontade», disse o norueguês aos jornalistas, na Austrália.

 

«Temos de ajudar, mas não posso dar-lhe a papinha na boca. Os jogadores têm de agarrar as oportunidades», frisou Solskjaer, ressalvando, contudo, que o jogador de 30 anos «não tem sido consistente porque tem tido muitas lesões.»

O FUTURO COM O NOSSO PASSADO


Porque A BOLA não quer que o jornalismo deixe de ser o jornalismo de qualidade que se faz da grande história, da investigação e da grande reportagem – nós temos esse jornalismo (o jornalismo que fez com que se falasse de A BOLA como a Bíblia) para lhe continuar a dar.

Porque A BOLA não quer que o jornalismo deixe de ser o jornalismo do texto criativo e sedutor e da opinião acutilante que não se faz de cócoras ou de mão estendida – nós temos esse jornalismo para lhe continuar a dar…

… e para nos ajudar a manter e a melhorar esse jornalismo sério e independente com o timbre de A BOLA,

Junte-se a nós nesse novo desafio ao futuro, tornando-se nosso assinante.

ASSINE AQUI

A Edição Digital de A Bola

Ler Mais
Comentários (2)

Últimas Notícias