Varandas pediu à FIFA melhorias nas condições para clubes formadores

Sporting 11-07-2019 18:41
Por Redação

O presidente do Sporting, Frederico Varandas, esteve esta quinta-feira nas instalações da FIFA, onde foi recebido pelo presidente do organismo, Gianni Infantino, aproveitando o estágio dos leões na Suíça. O líder do clube de Alvalade aproveitou alguns minutos de conversa com o suíço para expressar algumas preocupações ao nível da formação e do mercado de transferências.

 

«O Sporting tem de estar presente, quer a nível interno, quer no exterior, perto dos órgãos de decisão. Não se pode afastar de quem regula o futebol. Tivemos uma conversa extremamente interessante, onde mostrei as minhas duas grandes preocupações, que vejo enquanto presidente do Sporting. Uma é a falta de regulação do mercado de transferências. Estamos a viver hoje uma fase onde o mercado é verdadeiramente selvagem, onde os clubes cada vez estão mais pobres. É engraçado como as receitas vão aumentando nos clubes, mas o dinheiro não fica nos clubes. Tem de haver, de uma vez por todas, coragem para se regular as transferêcoas, porque se não um clube com a dimensão do Sporting sente-se cada vez mais estrangulado e cada vez com mais dificuldades de sobreviver. Por isso a FIFA tem esse dever, de enfrentar o problema de frente. Todos os clubes têm de se unir nessa luta

 

- O segundo, falar sobre a nossa história de clube formador, que formou os melhores jogadores do futebol português, dois bolas de ouro, um dos quais o melhor jogador português de todos os tempos e um dos melhores de todos os tempos do mundo. Hoje, estes clubes, não só o Sporting, mas todos os clubes formadores, temos uma grande dificuldade de lutar contra gigantes que chegam antes de se fazer o contrato profissional com estes jovens jogadores e nós não temos qualquer mecanismo de proteção, é um autêntico «vale tudo», e é com grande esforço que o Sporting e outros clubes formadores em Portugal sentem dificuldade em segurar os melhores jogadores e aqui também precisamos que a FIFA intervenha de vez e com força. A FIFA precisa de clubes como o Sporting e o Sporting precisa de uma FIFA a agir e a proteger os clubes que fazem bem ao futebol, como o Sporting.», assegurou Varandas após a reunião.

 

Infantino, de resto, foi bastante elogioso quando à entidade formadora que é o Sporting, assegurando que a FIFA terá de ajudar a proteger este tipo de clubes.

 

«O Sporting não é só um clube, é uma instituição, é um clube histórico do futebol português, europeu e mundial. E é histórico precisamente porque já produziu tantos jogadores fantásticos, Cristiano Ronaldo e Figo são apenas dois que todos conhecem, mas muitos, muitos mais, como Futre, Quaresma, Nani, entre outros... Ao longo das últimas décadas, o Sporting conseguiu construir esta reputação e é importante que continue a treinar jogadores e a trazê-los para a equipa principal. É também nossa responsabilidade, FIFA, ajudar os clubes formadores a protegê-los e a trabalhar nas nossas regras de transferências.», atirou o presidente da FIFA.

Ler Mais
Comentários (91)

Últimas Notícias