Robben colocou ponto final da carreira

Holanda 04-07-2019 16:23
Por Redação

Aos 35 anos, Arjen Robben decidiu pendurar as botas. O extremo holandês encontrava-se sem clube depois de ter terminado a ligação ao Bayern de Munique.

 

Dotado com um pé esquerdo talentoso, e um movimento característico que o levava a cortar da direita para o meio e desferir remates de belo efeito, Robben iniciou a carreira no Groningen em 2000.

 

Seguiram-se passagens por PSV Eindhoven, Chelsea – onde foi treinado por José Mourinho -, Real Madrid e Bayern de Munique. Venceu os campeonatos de todos os países por onde passou (oito na Alemanha, dois em Inglaterra, um em Espanha e Holanda), conquistou oito taças (cinco na Alemanha, três em Inglaterra) e ainda uma Liga dos Campeões.

 

Internacional pela Holanda em 96 ocasiões, foi um dos convocados da Laranja Mecânica que chegou à final do Mundial-2010 na África do Sul. Conta, também, com participações nos Europeus de 2004, 2008 e 2012, bem como nos Campeonatos do Mundo de 2006 e 2014.

O FUTURO COM O NOSSO PASSADO


Porque A BOLA não quer que o jornalismo deixe de ser o jornalismo de qualidade que se faz da grande história, da investigação e da grande reportagem – nós temos esse jornalismo (o jornalismo que fez com que se falasse de A BOLA como a Bíblia) para lhe continuar a dar.

Porque A BOLA não quer que o jornalismo deixe de ser o jornalismo do texto criativo e sedutor e da opinião acutilante que não se faz de cócoras ou de mão estendida – nós temos esse jornalismo para lhe continuar a dar…

… e para nos ajudar a manter e a melhorar esse jornalismo sério e independente com o timbre de A BOLA,

Junte-se a nós nesse novo desafio ao futuro, tornando-se nosso assinante.

ASSINE AQUI

A Edição Digital de A Bola

Ler Mais
Comentários (5)

Últimas Notícias