«Seria quase traição ir para a Roma»

Itália 24-06-2019 20:53
Por Redação

Gian Piero Gasperini foi um dos principais artífices da histórica qualificação da Atalanta para a próxima edição da Liga dos Campeões.

 

Depois de conduzir a equipa de Bérgamo ao terceiro lugar da Série A, o treinador de 61 anos viu o nome dele ser associado ao comando técnico da Roma – acabaria por contratar o português Paulo Fonseca.

 

A hipótese de rumar ao emblema da capital era tentadora. Porém, o coração falou mais alto.

 

«Teria sido muito difícil deixar a Atalanta neste momento. Seria quase uma traição. Ir para a Roma era tentador, mas aquilo que alcançámos segurou-me aqui», explicou Gasperini.

Ler Mais
Comentários (0)

Últimas Notícias

Mundos