Manchester United toma posição firme sobre Bruno Fernandes

Sporting 05-06-2019 13:40
Por Rui Baioneta

Com o dinamarquês Eriksen, 27 anos, com pé e meio fora do Tottenham, tendo o Real Madrid como destino muito provável - o médio tem apenas mais um ano de contrato e, para renovar, deseja um salário semelhante ao de Harry Kane, que é muito alto para as contas dos spurs, pelo que a saída será, neste momento, a solução mais forte... -, o treinador dos londrinos, Mauricio Pochettino, olha para as várias possibilidades que o mercado lhe oferece. É neste contexto que surge o nome de Bruno Fernandes. Com efeito, os londrinos não conseguiram convencer o Bétis a libertar o argentino Giovani Lo Celso por €70 M, e já partiram para outra solução, que é, neste caso, o médio do Sporting, que já reconheceu, em entrevistas recentes, que aprecia o futebol do Tottenham, finalista vencido da Champions League. 


Ou seja, continuam a registar-se intensas movimentações de mercado, com recolha de informações a vários níveis - o próprio Liverpool protagonizou uma primeira manifestação de interesse recentemente, mas a situação não conheceu evolução até ao momento... -, e toda esta situação levou já o Manchester United a tomar uma posição firme, tendo os red devils já manifestado junto do Sporting a vontade de se sentarem à mesa para negociar o internacional português - refira-se que, apesar do interesse que tem despertado junto de vários clubes europeus, foi o Manchester United o primeiro a manifestar a efetiva intenção de contratar Bruno Fernandes. E isso aconteceu logo no início do corrente ano civil, tal como A BOLA noticiou no dia 24 de fevereiro, onde podia ler-se, na primeira página, «United avança por Bruno». 


Registaram-se, na altura, vários contactos informais, mas agora, com o cerco ao jogador a apertar, o Manchester United quer fechar o negócio o quanto antes, falando-se que, para isso, os red devils estão na disposição de pagar uma verba entre os €70 M ou €80 M, valores suficientes para convencer os leões, apesar de o jogador ter uma cláusula de rescisão de €100 M. 
Esta reunião, de resto, pode acontecer ainda esta semana, ainda que, em caso de acordo, a transferência só deva concretizar-se após a Liga das Nações, prova na qual Bruno Fernandes está a representar Portugal e na qual a Inglaterra também participa. É muito provável, também, que o Manchester United mande um representante a Portugal para observar esta competição e, aproveitando a estadia, essa reunião possa de facto acontecer. 


Neste processo, com o United a cerrar punhos para garantir o jogador e o Tottenham pronto para atacar, é justo reconhecer que o Man. City, apesar de uma primeira proposta recusada - €55 M e um ou dois jogadores... - ainda não terá desistido totalmente de Bruno Fernandes, enquanto o Atlético Madrid continua a acompanhar com muito interesse todas estas movimentações. 
No entanto, os madrilenos podem estar um pouco atrás, na medida em que o próprio Bruno Fernandes já assumiu o sonho de poder jogar na Premier League.

 

 

Ler Mais
Comentários (34)

Últimas Notícias