«Não vale a pena falar em justiça…»

Portimonense 19-04-2019 17:52
Por Redação

António Folha, treinador do Portimonense, considerou justo o empate frente ao Vitória de Setúbal, no Bonfim, resultado confirmado graças a um golo de Ruster, a três minutos do fim.

 

«É um resultado justo. Pelo que as equipas fizeram durante o jogo, seria injustiça alguém sair sem pontos. Os treinadores mexeram bem, foram felizes nas substituições e não vale a pena falar de justiça. Fizemos tudo para ganhar o jogo e este é mais um ponto na nossa caminhada. Estamos satisfeitos com o trabalho dos jogadores que, mesmo a perder, não desistiram de procurar o empate», disse à Sport TV no final da partida.

 

Sobre a aposta em Ruster, suplente utilizado que acabou por fazer o golo do Portimonense: «Por vezes os treinadores têm sorte, outras têm azar. O momento mais improvável aconteceu – foi um jogador baixinho a fazer o golo de cabeça. Fizemos um jogo de qualidade e vamos continuar a nossa luta até ao fim.»

Ler Mais
Comentários (5)

Últimas Notícias