Abel Xavier atento as «jogadas externas» no jogo com a Guiné-Bissau

Moçambique 12-02-2019 12:09
Por Álvaro da Costa, Maputo

A 22 de Março , os Mambas defrontam a Guiné Bissau num jogo em que só a vitória interessa para marcarem presença na Taça das Nações de África (CAN)- Egipto 2019.

 

A partida está a ser preparada com o máximo cuidado em todas as vertentes. Para Abel Xavier, selecionador dos Mambas,que falava a STV, é necessário estar atento ao que se passa dentro e fora do campo.

 

«Para quem anda no futebol há algum tempo, sabe que o jogo não é só jogado nas quatro linhas. O jogo também é jogado em vários cenários. Há um jogo que é falado, há um jogo que é jogado e há um outro jogo que também é jogado noutras áreas», disse.

Todavia, Abel Xavier deixa claro que é dentro de campo que o grupo está concentrado para trabalhar.

 

 «Temos que ser fortes, temos que acautelar essas áreas e, obviamente, dentro do campo, nós é que somos protagonistas. Devemos implantar aquilo que são as nossas ideias, dar continuidade às ideias do treinador e, igualmente, sairmos com o resultado que desejamos que é vitória», anotou.

 

Ainda em declarações a STV, o técnico português, elogiou a Federação Moçambicana de Futebol e a Liga Moçambicana de Futebol por terem decidido pelo arranque do Moçambola após o jogo com a Guiné-Bissau.

 

«Enaltecer a LMF e a FMF por terem tido bom senso, agendando o arranque do Moçambola 2019 para depois deste jogo decisivo. Isso é extremamente importante para nós e reúne mais consenso. É verdade que estamos concentrados na questão competitiva também”, considerou o seleccionador nacional», afirmou.

 

Moçambique ocupa o 3º lugar no grupo K com 7 pontos, menos 1 que a Guiné Bissau e a Namíbia.

 

Ler Mais
Comentários (2)

Últimas Notícias