«O Brasil traiu a CONMEBOL»

Brasil 12-07-2018 13:35
Por Redação

Alejandro Domínguez, presidente da CONMEBOL, acusou a Confederação Brasileira de Futebol de trair a federação sul-americana. Em causa está a votação para eleger o anfitrião do Mundial-2026.

 

A candidatura dos Estados Unidos, México e Canada, que acabou por vencer, tinha feito um acordo com as 10 federações sul-americanas, mas o Brasil acabou por votar em Marrocos. O acordo da CONMEBOL previa uma troca de votos. Pelos votos na candidatura norte-americana, a CONCACAF ia apoiar a candidatura de Argentina, Paraguai e Uruguai ao Mundial-2030.

 

«Existe um sentimento de traição por parte do Brasil. Não ajuda muito a imagem do país que acabou por trair a CONMEBOL. É um tema de muita vergonha», explicou ao TV Globo.

 

Alejandro Domínguez mostrou-se surpreendido com a atitude de Coronel Nunes.

 

«Antes da votação ninguém nos disse que ia votar ao contrário. Podiam ter dito que não concordavam com a votação. Nós íamos respeito as posições individuais, mas ninguém disse nada. Depois fomos para a votação, que não era secreta, e acabou por acontecer aquela surpresa», concluiu.

Ler Mais
Comentários (5)

Últimas Notícias

ATENÇÃO: Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saiba mais