Sindicato de enfermeiros anuncia greve geral em abril

Saúde 07-03-2019 19:53
Por Redação

O Sindicato Democrático dos Enfermeiros de Portugal (Sindepor) anunciou, esta quinta-feira, a realização de uma greve geral em abril, depois de uma reunião com o Governo que marca o início de novo período de negociações.

 

O presidente do Sindepor, Carlos Ramalho, disse, no final da reunião, que a greve é para que, de uma vez por todas, se entenda que os enfermeiros querem negociar, mas querem negociações sérias, acrescentando que a paralisação será em abril, mas sem, todavia, anunciar a data.

 

Governo e sindicatos de enfermeiros voltaram esta quinta-feira a reunir-se para tentar chegar a um acordo sobre reivindicações da classe, que já levaram a diversas greves e que resultaram em requisições civis.

 

O Sindepor garante estar disponível para negociar todas as questões, durante o tempo que for necessário, em particular o descongelamento de progressões, atribuição de subsídio ao enfermeiro especialista e a grelha salarial.

 

Em janeiro e fevereiro, os enfermeiros fizeram uma greve às cirurgias em blocos operatórios de hospitais públicos, tendo obrigado ao adiamento de milhares de operações.

 

O Governo decretou, a 7 de fevereiro, uma requisição civil e pediu um parecer à Procuradoria-Geral da República, que considerou a greve ilegal.

 

A Associação Sindical Portuguesa dos Enfermeiros suspendeu-a, o Sindepor manteve-a.

Ler Mais

Últimas Notícias