Taça Davis: Rússia, Bélgica e Canadá seguem com vantagem

Ténis 18-11-2019 22:22
Por Redação

As seleções da Rússia, Bélgica e Canadá garantiram vantagem na primeira edição da nova versão das Finais da Taça Davis, que arrancaram esta segunda-feira, ao vencerem a Croácia, Colõmbia e Itália, respetivamente.

 

No Grupo B, a Rússia, que não contou com Daniiel Medvedev (5.º do ‘ranking’), venceu pela mão de Andrey Rublev, que venceu o croata Borna Gojo, por 6-3 e 6-3, seguindo-se a vitória de Karen Khachanov que derrotou Borna Coric por 6-7 (4-7), 6-4 e 6-4.

 

Já no Grupo D, a Bélgica contou com o retirado Steve Darcis para vencer o colombiano Santiago Giraldo, por 6-3 e 6-2. Mais tarde, David Goffin, protagonizou nova vitória dos belgas, ao bater Daniel Galán, pelos parciais de 3-6, 6-3 e 6-3.

 

No grupo F, por seu lado, decorreu um duelo desafiante entre o italiano Matteo Berrettini (8.º na hierarquia mundial) e o canadiano Denis Shapovalov (número 15), que terminou com a vitória deste último pelos parciais de 7-6 (7-5), 6-7 (3-7) e 7-6 (7-5). Momentos depois, Vasek Pospisil confirmou a vitória dos canadienses ao bater Fábio Fognini pelos parciais de 7-6 (7-5) e 7-5.
 

As Finais da Taça Davis prolongar-se-ão até o próximo domingo, em Madrid. Os 18 países participantes estão divididos em seis grupos de três equipas, sendo que os vencedores dos grupos e os dois melhores segundos classificados seguem caminho para os quartos de final.

Ler Mais
Comentários (0)

Últimas Notícias