Federação Internacional dá razão a árbitro português no caso com Serena Williams

Ténis 10-09-2018 21:18
Por Redação

A Federação Internacional de Ténis (ITF) reagiu, esta segunda-feira, ao momento protagonizado entre Serena Williams e o árbitro português, Carlos Ramos, na final feminina do Open dos Estados Unidos.

 

Em comunicado oficial, a entidade responsável pela modalidade considerou correta a decisão tomada por Carlos Ramos, sublinhando que «Carlos Ramos é um dos árbitros mais experientes e respeitados no ténis. As decisões estavam de acordo com as regras pertinentes e foram reafirmadas com a decisão da organização do US Open em multar Serena Williams pelas três ofensas que fez».

 

Durante a partida frente à japonesa Naomi Osaka, a tenista Serena Williams lançou-se em protesto contra Carlos Ramos, reclamando em alta voz e apelidando mesmo o árbitro luso de «ladrão e mentiroso».

 

A norte-americana acabaria por perder a final, permitindo a Naomi Osaka conquistar o inédito título do ‘Grand Slam’, por 6-2 e 6-4.

Ler Mais
Comentários (26)

Últimas Notícias