«Eu também queria treinar o Liverpool, mas não posso»

CORINTHIANS 22-05-22 11:37
Por Redação

Após o empate com o São Paulo (1-1), Vítor Pereira foi confrontado com a não utilização de Róger Guedes. Foi então que o treinador português deu um puxão de orelhas ao avançado de 25 anos.

«Não tenho problema pessoal com nenhum jogador, estou aqui para tentar ajudar todos a melhorar. O Róger foi um jogador que já passou por um momento bom mas que agora está com dificuldades em responder em termos de treino e de lutar para dar a volta por cima nessa situação. Queria que ele me transmitisse a confiança para o poder colocar no jogo, mas não estou a sentir isso», explicou.

Vítor Pereira também criticou o suposto incómodo do jogador em ser utilizado em posições que não se sente confortável.

«Eu também queria treinar o Liverpool, mas não posso. Estou a ser honesto, se me perguntasse eu ia a correr, com todo o respeito para o Corinthians, mas estamos a falar do Liverpool. Isto não é como nós queremos, esse não é o meu conceito de jogo, é o que a equipa precisa. E às vezes precisa do Róger na esquerda, outras no meio e outras ainda na direita. Ele tem de ter a capacidade para responder isso», concluiu.