Man. City, de Cancelo, Rúben e Bernardo, é bicampeão inglês!

INGLATERRA 22-05-22 5:54
Por Redação

Que final de campeonato na Premier League! O Manchester City, de João Cancelo, Rúben Dias e Bernardo Silva, sagrou-se bicampeão inglês, conquistando o oitavo título na história após bater o Aston Villa, em casa, por 3-2.

Em Anfield, o Liverpool também esteve a perder frente ao Wolverhampton mas acabou por dar a volta, vencendo por 3-1. Reviravolta inglória para a equipa de Jurgen Klopp, que esteve entre o céu e o inferno e acabou em lágrimas.

Foi verdadeiramente dramática a última jornada em Inglaterra: o Manchester City, com Cancelo e Bernardo Silva no onze, entrou ‘a dormir’ frente à equipa de Steven Gerrard, que esteve a vencer por 2-0 no Etihad. Matty Cash, aos 37’, deu vantagem aos visitantes e Coutinho, aos 69’, gelou completamente as bancadas no Etihad.

Foi então que entrou em ação o rolo compressor de Pep Guardiola. Lançado aos 70’ para o lugar de Bernardo Silva, o médio alemão Ilkay Gundogan vestiu a pele de Aguero em 2012 e foi o herói da reviravolta num curto espaço de tempo. Aos 76’, cabeceou ao segundo poste após cruzamento de Sterling e aos 81’, apareceu ao segundo poste a desviar para o 3-2, após assistência de De Bruyne, levando milhares de adeptos à loucura. Pelo meio, aos 78’, uma bomba do espanhol Rodri empatou a partida. Com 93 pontos, o Manchester City festeja o bicampeonato com um de avanço sobre o Liverpool e Pep Guardiola conquista o quarto campeonato em seis temporadas em Inglaterra.

Em Anfield, o internacional português Pedro Neto, logo aos três minutos, colocou o conjunto de Bruno Lage na frente, obrigando o Liverpool, com Jota a titular, a correr atrás do prejuízo. Sadio Mané, aos 24’, empatou e os reds carregaram em busca da reviravolta que os colocasse no primeiro lugar. Mas essa só apareceu quando o Manchester City também já estava na frente… Aos 84’, Mohamed Salah fez o 2-1 e, aos 89’, foi o lateral escocês Andy Robertson a assinar o 3-1.

Cai o pano sobre mais uma espetacular edição da Premier League com a festa em tons azuis e bem portugueses.

O FILME DOS JOGOS: 

90': ACABOU NOS DOIS ESTÁDIOS! O MANCHESTER CITY É BICAMPEÃO INGLÊS!

89': Robertson faz o 3-1 em Anfield. Liverpool à espera de um milagre no Etihad!

87': Minutos finais de grande emoção. O Manchester City vai segurando a vantagem e a conquista do título.

84': GOLO DO LIVERPOOL, MOHAMED SALAH!

81': GOOOOOOOOLO DO MANCHESTER CITY! 3-2 POR GUNDOGAN!

78': EMPATA O MANCHESTER CITY, POR RODRI! 2-2! QUE LOUCURA! 

78': Empata o Brentford frente ao Leeds.

80': Marca o Brighton frente ao West Ham, Man. United agradece.

76': GOLO DO MANCHESTER CITY, MARCA GUNDOGAN!

71': Roberto Firmino entra para o lugar de Keita.

69': Liverpool a um golo de ser campeão, que 20 minutos de loucos!

69': GOLO DO ASTON VILLA NO ETIHAD! 2-0 PARA O ASTON VILLA, MARCA COUTINHO!

71': Tottenham faz o 4-0 e vai à Champions.

67': Bernardo Silva dá o lugar a Gundogan.

63': O relógio não pára e o Liverpool vai continuando sem conseguir quebrar a resistência do Wolves. No Etihad, o Manchester City procura desesperadamente evitar o dissabor.

65': 3-0 para o Tottenham em Norwich.

60': 2-0 para o Newcastle em Burnley, com a equipa da casa a caminho do Championship.

58': Salah sai do banco e rende Diogo Jota...

59': 4-1 do Arsenal, gunners precisam de um milagre em Norwich.

57': Golo do Leeds frente ao Brentford, equipa de Jesse Marsch mantém-se na Premier League com este resultado e a derrota do Burnley.

56': Sterling entra para o lugar de Mahrez.

55': Aston Villa à beira do 2-0! Que desperdício de Watkins. No Emirates, o Arsenal faz o 3-1.

51': Adeptos do Liverpool festejam o 2-1 mas o golo de Sadio Mané é anulado por fora de jogo. 

50': Golo do Brighton frente ao West Ham, 1-1. Londrinos caem para sétimo, Man. United na Liga Europa.

46': Recomeçam os jogos. Zinchenko entra no Manchester City para o lugar de Fernandinho. Stones vai fazer dupla com Laporte, Cancelo passa para o lado direito. Em Anfield, José Sá saiu lesionado no Wolverhampton.

45': Intervalo. Manchester City ainda é campeão, nesta altura, prevendo-se 45 minutos explosivos nas segundas partes dos jogos.

45+3': Golo do Everton no Emirates, 2-1 para o Arsenal.

38': Golo do Crystal Palace frente ao Manchester United e do West Ham em Brighton. Red devils na Liga Conferência.

37': GOLO DO ASTON VILLA NO ETIHAD! Na área, Cash aparece nas costas de Cancelo e cabeceia para o fundo da baliza após cruzamento de Digne. Momentos dramáticos na última jornada! Neste momento, a equipa de Guardiola é campeã devido à melhor diferença de golos.

36': o Manchester City continua sem conseguir criar grande perigo junto da baliza de Robin Olsen...

32': Ao mesmo tempo, Arsenal e Tottenham marcam e aumentam a vantagem. Parece não haver grande volta a dar e serão os spurs a segurar o quarto lugar e acesso à Champions.

27': Golo do Arsenal, de grande penalidade, frente ao Everton.

24': Empata o Liverpool, golo de Sadio Mané! Que pormenor de Thiago na assistência para o senegalês...

20': Pedro Neto saiu lesionado e foi substituído por Hwang Hee-Chan.

19': Leeds vê o golo ser anulado pelo VAR, mas o Newcastle vai ganhando em Burnley, que, com esta conjugação de resultados, desce ao Championship.

16': Golo do Tottenham (Dejan Kulusevski) em Norwich, equipa de Antonio Conte com pé e meio na Liga dos Campeões.

14': Manchester City com mais bola mas, para já, sem criar perigo.

3': Golo do Wolverhampton em Anfield! Pedro Neto surpreende e coloca a equipa de Bruno Lage na frente do marcador! José Sá lançou longo, Konaté falhou o corte e Jiménez serviu o internacional português, que no coração da área se limitou a empurrar para o fundo das redes.

16h: Começam os jogos no Etihad e em Anfield! 

15h55: Aproxima-se a hora do início dos 10 jogos.

15h40: Boa tarde e bem-vindo ao dia de todas as decisões em Inglaterra. Siga, a par e passo, os jogos de Manchester City e Liverpool e também todas as decisões no apuramento para a Liga dos Campeões, Liga Europa e Liga Conferência, bem como da descida ao Championship.

Manchester City: Ederson, Stones, Fernandinho, Laporte, João Cancelo, Rodrigo, De Bruyne, Bernardo Silva, Mahrez, Foden e Gabriel Jesus

Aston Villa: Olsen, Cash, Chambers, Mings, Digne, McGinn, Douglas Luiz, Ramsey, Buendía, Coutinho e Watkins

Liverpool: Alisson, Alexander-Arnold, Matip, Konaté, Robertson, Henderson, Thiago, Keita, Jota, Luis Díaz e Mané

Wolverhampton: José Sá; Boly, Coady, Toti, Jonny, Dendoncker, Rúben Neves, João Moutinho, Ait-Nouri, Pedro Neto e Jiménez.