Alcinda Panguana perde na final e fica-se pela prata

MOÇAMBIQUE 20-05-22 5:48
Por Álvaro da Costa, Maputo

Alcinda Panguana foi derrotada na final do Mundial de Boxe pela irlandesa Lisa Edel, ficando-se pela conquista da medalha de prata. Um feito ainda assim assinalável para o desporto moçambicano, visto que foi a primeira vez que um pugilista do país subiu ao pódio numa prova do género.

Apesar da derrota, Alcinda Panguana conseguiu levar o combate até ao fim, mas por decisão do júri a irlandesa de 20 anos foi indicada a nova campeã do mundo na categoria de 66-70 kg. Pelo título de vice-campeã, Panguana arrecadou 50 mil dólares (cerca de 48 mil euros).

O boxe moçambicano deixa o Campeonato do Mundo da Turquia talvez com a maior surpresa, já que entrou com os menos favoritos entre os presentes e fechou com duas medalhas. À medalha de prata já referida junta-se outra de bronze, conquistada por Rady Gramane, premiada com 25 mil dólares (cerca de 23 de mil euros).