Amnistia Internacional reclama indemnização de €420 milhões à FIFA

MUNDIAL 2022 20-05-22 9:4
Por Redação

Em carta dirigida a Gianni Infantino, presidente da FIFA, a Amnistia Internacional reclama uma indemnização de 420 milhões de euros para os trabalhadores feridos e os familiares dos mortos nas obras dos estádios para o Mundial-2022, no Catar.

O organismo que tutela o futebol munidial pagou, em dezembro passado, 21,5 milhões de indemnizações, a que se juntaram €5,4 milhões de empresas.