«Prevaleceu a eficácia do Benfica»

PAÇOS DE FERREIRA 13-05-22 10:48
Por Redação

Terminada a partida com o Benfica, em casa, com uma derrota por dois golos sem resposta, o treinador César Peixoto mostrou-se desiludido com o resultado.

«Fizemos um bom jogo, mas não entrámos bem, sofremos o 1-0, reagimos, mas sofremos o 2-0. Continuámos sempre a dominar e a criar situações de golo, mas o que definiu o jogo foi a eficácia. Se tivéssemos feito o 1-1, podíamos ter entrado mais no jogo. Penso que o resultado mais justo teria sido o empate face às oportunidades das duas equipas, no entanto prevaleceu a eficácia do Benfica», resumiu César Peixoto.

Sobre a continuidade de Nico Gaitán, o treinador pacense confirmou: «Queremos muito que o Nico fique, não sei se ele já renovou ou não.»

Perspetivando já a próxima temporada, César Peixoto exibiu ambição: «Esta temporada conseguimos o objetivo definido pelo clube, que era manutenção, mas, a momentos, por aquilo que a equipa produziu, fez-nos sonhar e acreditar que podíamos ter chegado mais longe, mas temos de crescer e ser mais matreiros. Neste jogo, por exemplo, o Paços fez apenas 11 faltas contra 23 do Benfica. Mas, tenho um orgulho enorme no que a equipa fez ao longo da época e agora é trabalhar para construirmos uma boa equipa e fazermos ainda mais na próxima época.»