Nuno Espírito Santo solidário com Romero e Lo Celso

TOTTENHAM 10-09-21 5:37
Por Redação

O treinador português Nuno Espírito Santo falou sobre o caso que afetou os internacionais argentinos Cristian Romero e Giovani Lo Celso, que viajaram para a América do Sul sem permissão do clube londrino para representar a seleção alvi-celeste, e foram alvo de mandado de detenção no Brasil, durante a conferência de Imprensa de antevisão do jogo com o Crystal Palace, mostrando-se solidário com os jogadores. 

«Estas situações são confusas para toda a gente, não temos informações dos órgãos governamentais sobre o que fazer e o que esperar da pausa para os jogos das seleções. A nossa maior preocupação é que as coisas se possam resolver para o futuro. Quando o jogador é chamado para a sua seleção nacional é um dos momentos mais importantes da carreira. Temos de compreender isso. Também temos de perceber que isto pode acontecer a qualquer jogador, não só aos sul-americanos. Os nossos jogadores europeus podem enfrentar a mesma situação, vivemos uma pandemia que é difícil de controlar», salientou Nuno Espírito Santo.