«Se Portugal vai descarregar em cima de nós? Acho que sim. E pressão nos árbitros»

LUXEMBURGO 29-03-21 1:45
Por Redação

Leandro Barreiro, médio com dupla nacionalidade angolana e luxemburguesa, fez a antevisão à receção a Portugal, esta terça-feira, reconhecendo que a Seleção Nacional vai entrar a pressionar depois do empate na Sérvia (2-2) e de um final de jogo conturbado depois de um golo não validado a Cristiano Ronaldo nos últimos segundos.

«Descarregar em cima de nós? Acho que sim. Deviam ter recebido os três pontos [na Servia] e não receberam, é uma frustração para a equipa e para o país. Vão mostrar-se amanhã agressivos nos duelos e uma certa pressão nos árbitros para as faltas que vão ter amanhã, com certeza», disse o médio de 21 anos que atua no Mainz da Alemanha.

Tem origens angolanas, porque escolheu jogar pelo Luxemburgo:

«Nasci aqui, tenho origens portugueses e angolanas e escolhi jogar pelo Luxemburgo porque fiz aqui toda a vida até aos 16 anos, o país deu-me tudo, fiz a escola e possibilitou-me jogar futebol. Sinto-me luxemburguês (também português) por isso a escolha foi pelo Luxemburgo. Houve possibilidade de fazer uns jogos quando era jovem por Portugal, mas senti-me sempre bem aqui, por isso foi uma forma de agradecer ao país. Não quer dizer que seja mais ou menos luxemburguês ou português.»

Repetir triunfo do fim de semana sobre a Irlanda?

«Vai ser diferente, ganhámos e merecemos, mas amanhã vai ser diferente frente a uma equipa melhor, com mais qualidade. Temos que estar muito concentrados e disciplinados do primeiro ao último minuto, vamos fazer o nosso melhor e ver o que sai no fim.»