Executados dois condenados à morte por injeção letal

ESTADOS UNIDOS 17-05-19 11:3
Por Redação

Os Estados Unidos executaram, por injeção letal, na quinta-feira, dois homens que estavam há vários anos no corredor da morte, depois de os governadores de dois estados vizinhos terem recusado conceder o perdão aos condenados.

Michael Samra, de 41 anos, foi executado no Alabama, onde foi condenado há 22 anos por ter participado em quatro homicídios, quando tinha 19 anos.

Quatro minutos mais tarde, Donnie Edward Johnson, de 68 anos, foi executado no vizinho estado do Tennessee, onde há 35 anos assassinou a mulher.