«Figo saiu do Real Madrid por razões presidenciais»

ESPANHA 15-04-19 9:10
Por Redação

No verão de 2005, depois de cinco anos ao serviço do Real Madrid, onde chegou em 2000 oriundo do Barcelona, Luís Figo fez as malas e rumou a Itália, para representar o Inter de Milão.

«Figo disse-me que não jogava e que saiu do Real Madrid por razões presidenciais, mas não explicou muito mais», referiu Jorge Valdano, em declarações à rádio espanhola Onda Cero, em alusão a entrevista recente ao antigo internacional português. 

Notícia atualizada