«Espero que A BOLA TV não tenha comentadores radicais» - João Reis

A BOLA TV - CANAL 12 MEO 07-09-12 12:41
Por Jorge Santos Carvalho

Ator, 47 anos, cara sobejamente conhecida do pequeno ecrã - quem não se lembra da personagem Geraldo Rebelo da Cunha, da telenovela Anjo Meu...? - e ferrenho adepto do Vitória de Guimarães -, João Reis expressa em particular um entre vários desejos do que espera ver em A BOLA TV, no canal 12 do Meo. - Gostava de ver e ouvir debates equilibrados, sem fanatismos ou tendências perigosas. Espero, por isso, que A BOLA TV tenha o dom de descobrir comentadores justos, fieis à verdade. Repito, mantendo o conteúdo, mas derivando a forma: espero que A BOLA TV não tenha comentadores radicais», assinala João Reis. Que não se fica por aqui. «Fala-se muito, demasiado até, dos presidentes dos clubes, dos recados que enviam uns aos outros e pouco de futebol. Infelizmente, a mediocridade reina... Por isso, faço questão de sublinhar que tenho a convicção de que acredito que A BOLA TV irá tratar as outras modalidades com a dignidade que elas merecem: desporto é muito mais do que futebol», destaca João Reis, finalizando. Em grande estilo.... - Em Portugal, infelizmente, fala-se demasiado de futebol e demasiado pouco de cultura, de teatro, cinema... Espero que tenham estas áreas em consideração, já agora, para desenjoar um pouco. Um canal vocacionado para o desporto pode fazer a diferença se apostar em conteúdos, digamos, fora da sua área de jurisdição.