Melhor ataque da era Conceição na Liga

FC Porto 03-05-2022 10:24
Por Paulo Pinto

O dragão que se apresta para ser campeão nacional (basta-lhe pelo menos um ponto no clássico da Luz) tem sido um autêntico rolo compressor na presente edição do campeonato. De tal ordem que é mesmo o melhor registo da era Sérgio Conceição com 83 golos, o que perfaz uma média de 2,5 golos por partida, um desempenho que ajuda, em parte, a justificar a supremacia dos azuis e brancos na competição mais importante do calendário nacional.


O Vizela foi a mais recente vítima do ataque voraz deste FC Porto, que só é superado pela equipa orientada por Fernando Santos em 1998/1999, em que alcançou a marca dos 85 golos apontados no final do campeonato. Melhor mesmo - o recorde dos portistas na competição - só a performance conseguida pelo malogrado Tomislav Ivic, então em 1987/1988, que se cifrou num total de 88 tentos, mas com a particularidade de serem apontados num campeonato bem mais extenso, ou seja, com 38 jornadas.


Para chegar aos 83 golos muito contribuíram as goleadas caseiras infligidas ao Portimonense (7-0) e também ao Vizela (4-2), sendo que o volume de caudal ofensivo concretizado poderia ainda ser maior nesta altura caso os dragões não tivessem ficado a zeros na deslocação a Braga, onde perderam graças a um tento de Ricardo Horta.

Dos 83 tentos apontados pelos azuis e brancos em 32 jornadas, há apenas um autogolo e na extensa lista de marcadores um nome salta claramente à vista: Mehdi Taremi. 

 

Leia na íntegra na edição impressa ou digital de A BOLA.

Ler Mais
Comentários (10)

Últimas Notícias