QUINTA-FEIRA, 25-05-2017, ANO 18, N.º 6326
Pochettino
Tottenham
«Seria uma traição treinar o Barcelona» - Pochettino
11:01 - 21-04-2017
Mauricio Pochettino, treinador argentino que tem estado em evidência no Tottenham, garantiu que nunca aceitará um convite do Barcelona, onde foi já apontado como um dos sucessores de Luis Enrique.

O argentino, em entrevista à rádio espanhola Cadena Ser, explica que a sua ligação ao Espanhol, clube também de Barcelona, está na origem da sua posição.

«Como jogador e como treinador devo muito ao Espanhol. Seria uma traição treinar o Barcelona», vincou.

Discurso completamente diferente o do treinador quando questionado sobre a possibilidade de vir a orientar a seleção argentina. «Todos sonham em treinar a seleção do seu país», admitiu.
Redação

comentários

1
Imprimir Enviar e-mail Facebook Twitter
Faça um comentário (máx: 300)
jafosses
21-04-2017 17:48
Quem fala assim não é gago! Não sou grande fã de argentinos, mas Pochettino e Simeone são de outra estirpe.

mais de TOTTENHAM

Tottenham O avançado Harry Kane utilizou as redes sociais para criticar a EA Sports por não ter entrada na equipa da semana da FIFA 17, isto após ter estado em destaque no Tottenham. «Estou a ver que sete golos em dois jogos não foram suficientes», escreveu
Tottenham O treinador do Tottenham, Mauricio Pochettino, assumiu que Harry Kane é um dos melhores finalizadores do futebol mundial, isto após o jogador ter apontado quatro dos seis golos dos spurs frente ao Leicester (6-1). «Harry Kane é o nosso principal a

destaques