DOMINGO, 23-04-2017, ANO 18, N.º 6294
(Foto: AP)
França
Papel a defender Daesh encontrado junto ao corpo do atacante
18:54 - 21-04-2017
Um manuscrito de apoio ao grupo extremista Estado Islâmico (EI) foi encontrado perto do corpo do autor do tiroteio de quinta-feira nos Campos Elísios, em Paris, que resultou na morte de um polícia.

As autoridades estão a analisar essa prova, assim como outras encontradas no interior do veículo em que o atacante se dirigiu ao local onde cometeu o atentado, pouco depois reivindicado pelo EI.

De recordar que Karim C., de 39 anos, disparou com uma espingarda de assalto contra um veículo policial, provocando a morte de um agente de 37 anos, antes de começar a fugir a pé, enquanto abria fogo contra outros agentes, dois dos quais ficaram feridos.
Redação

Imprimir Enviar e-mail Facebook Twitter

mais do dia

Revista de Imprensa «Uma mulher, de 31 anos, fechou-se ontem, ao início da tarde, num quarto, com os dois filhos, de 23 meses e de quatro anos, e ateou fogo à divisão com o objetivo de se matar. A ela, e aos filhos. Os Bombeiros de Guimarães foram alertados para um incêndio num apartamento, na rua da Boavista, em mesão Frio, e ainda conseguiram resgatar a mulher e as crianças com vida, transportando-as para o hospital com sinais de intoxicação devido à inalação de fumo. «Ao que o CM apurou, nem a mãe nem os fil
Revista de Imprensa «As imagens do sistema de videovigilância cedidas pelo Benfica e diversos vídeos amadores não deixaram margem para dúvidas. O empresários Marco Fincini, de 41 anos, colhido mortalmente ontem de madrugada à porta do Estádio de Luz, foi atropelado por um adepto benfiquista, que acelerou contra o italiano, sócio da Juventude Leonina.» «A Polícia Judiciária sabe que no carro seguiam mais adeptos encarnados. Fugiram todos e deixaram o corpo no chão, sem prestarem auxílio.» «Tudo começou quando
Revista de Imprensa «Conflito entre claques do Sporting e do Benfica foi marcado na sexta-feira por SMS. Italiano era apoiante leonino.» «Foi por SMS que elementos das claques do Benfica e do Sporting marcaram um encontro que veio a revelar-se fatal para um adepto leonino, de nacionalidade italiana, que foi atropelado mortalmente e deixado ao abandono na estrada, nas imediações do Estádio da Luz, em Lisboa. A madrugada na capital foi violenta e a polícia foi apanhada desprevenida.» - JN

destaques