QUARTA-FEIRA, 24-05-2017, ANO 18, N.º 6325
Política
Marcelo Rebelo de Sousa solidário com o povo francês
23:47 - 20-04-2017
O Presidente da República enviou uma mensagem ao homólogo francês, François Hollande, a manifestar pesar e consternação pelo ataque desta quinta-feira, em Paris.

«Foi com grande consternação que tomei conhecimento do atentado terrorista que ocorreu em Paris, em plenos Campos Elísios», refere Marcelo Rebelo de Sousa numa carta divulgada no site da Presidência com o título.

«Em mais este momento de inquietação, quero transmitir-lhe, em meu nome e em nome do Povo Português, as minhas condolências, bem como toda a solidariedade para com o povo francês e, de modo particular, com a população de Paris, cidade onde ainda há menos de um ano celebrámos o Dia de Portugal, de Camões e das Comunidades Portuguesas», sublinha o chefe de Estado, acrescentando:

- Quero reiterar a Vossa Excelência o firme compromisso de Portugal, juntamente com a França, na defesa de uma Europa unida também no combate ao terrorismo e à promoção constante e permanente dos valores da Democracia, da Paz e do respeito pelos Direitos do Homem.
Redação

Imprimir Enviar e-mail Facebook Twitter

mais do dia

Setúbal As buscas para encontrar o menino que desapareceu no domingo na praia de São Torpes, em Sines, prosseguem com um perímetro alargado. As operações estão a decorrer ao longo da costa, entre Sines e Vila Nova de Milfontes. Nestas buscas estão envolvidos onze elementos da Polícia Marítima e da capitania de Sines, apoiados por duas lanchas e uma mota de água, bem como os bombeiros de Vila Nova de Milfontes.
Política O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, comentou esta quarta-feira o elogio que o ministro das Finanças alemão, Wolfgang Schauble, terá a Mário Centeno, comparando-o a Cristiano Ronaldo, considerando que «quem quer que disse isso, por uma vez não pensou mal». Ainda em visita oficial ao Luxemburgo, Marcelo disse que não comenta políticos nacionais ou estrangeiros, mas lá acabou por fazê-lo. Antes, referiu que a saída de Portugal do Procedimento de Défice Excessivo «é comparável ao
Vila Nova de Foz Côa Os responsáveis pelo ato de vandalismo no Painel Central de Arte Rupestre da Ribeira de Piscos, pertencente ao parque arqueológico do Vale do Côa, já foram identificados. Os dois homens desenharam uma bicicleta, um humano esquemático e a palavra «BIK» em cima da figura conhecida por `Homem de Piscos´, classificada como monumento nacional e património mundial pela UNESCO. De acordo com a Polícia Judiciária, os dois homens foram constituídos arguidos e interrogados, tendo confessado o crime.

destaques