SEXTA-FEIRA, 23-06-2017, ANO 18, N.º 6355
Política
Marcelo Rebelo de Sousa solidário com o povo francês
23:47 - 20-04-2017
O Presidente da República enviou uma mensagem ao homólogo francês, François Hollande, a manifestar pesar e consternação pelo ataque desta quinta-feira, em Paris.

«Foi com grande consternação que tomei conhecimento do atentado terrorista que ocorreu em Paris, em plenos Campos Elísios», refere Marcelo Rebelo de Sousa numa carta divulgada no site da Presidência com o título.

«Em mais este momento de inquietação, quero transmitir-lhe, em meu nome e em nome do Povo Português, as minhas condolências, bem como toda a solidariedade para com o povo francês e, de modo particular, com a população de Paris, cidade onde ainda há menos de um ano celebrámos o Dia de Portugal, de Camões e das Comunidades Portuguesas», sublinha o chefe de Estado, acrescentando:

- Quero reiterar a Vossa Excelência o firme compromisso de Portugal, juntamente com a França, na defesa de uma Europa unida também no combate ao terrorismo e à promoção constante e permanente dos valores da Democracia, da Paz e do respeito pelos Direitos do Homem.
Redação

Imprimir Enviar e-mail Facebook Twitter

mais do dia

Reino Unido Cinco torres de apartamentos localizadas no bairro de Camden, em Londres, tiveram esta sexta-feira ordem de evacuação imediata por motivos de segurança, uma vez que têm um revestimento inflamável semelhante ao da Torre Grenfell. As autoridades municipais de Camden indicaram que os habitantes destas torres vão ser realojados temporariamente em outras casas, ou em hotéis, e que aqueles edifícios vão ser alvo de «trabalhos urgentes de proteção contra incêndio», que devem durar «duas a três seman
Portalegre O incêndio florestal que deflagrou esta sexta-feira às 17.00 horas na zona de Belver, concelho de Gavião, distrito de Portalegre, foi dado como dominado cerca de quatro horas depois. O fogo começou perto da aldeia Torre Cimeira, freguesia de Belver, e devastou uma área de mato, pasto, pinheiros, eucaliptos e sobreiros, tendo sido considerado dominado às 20.47 horas. O combate às chamas, envolveu 165 bombeiros de várias corporações dos distritos de Portalegre, Castelo Branco e Santarém, apo
Porto O presidente do Conselho de Administração da empresa Metro do Porto lançou, esta sexta-feira, um concurso público para a «subconcessão do sistema de metro ligeiro da Área Metropolitana do Porto», com o preço base de 221 milhões de euros. Segundo o anúncio do concurso, publicado no Diário da República, o prazo de execução contratual é de «84 meses a contar da celebração do contrato», o que corresponde a sete anos. Neste sentido, o contrato público será celebrado para o período entre abril d

destaques