SEGUNDA-FEIRA, 27-02-2017, ANO 18, N.º 6239
Cientistas identificam no cérebro ligação entre ´stress` e doenças cardiovasculares
Ciência
Cientistas identificam no cérebro ligação entre ´stress` e doenças cardiovasculares
10:18 - 12-01-2017
O trabalho de investigação publicado hoje na revista especializada Lancet, refere que cientistam acreditam ter descoberto como o `stress` faz aumentar o risco de doenças cardiovasculares, concentrando-se numa zona do cérebro associada ao comportamento e às emoções.

A ligação entre a atividade nas amígdalas cerebelosas, localizadas no sistema límbico, e um risco aumentado de desenvolver doenças cardiovasculares.

Este trabalho teve por base estudos anteriores que mostravam que esta zona do cérebro está mais ativa em pessoas com perturbações como ´stress`pós-traumático, mas agora avança-se que as amígdalas ordenam à medula óssea a produção de mais glóbulos brancos, que depois de libertados no sangue provocam a inflamação das artérias.
Redação

Imprimir Enviar e-mail Facebook Twitter

mais do dia

País A Operação Carnaval da GNR registou, desde a meia noite de sexta-feira, 421 acidentes, que resultaram em sete feridos graves e 123 ligeiros. No balanço anterior, no sábado à noite, a GNR reportara 186 acidentes, cinco feridos graves e 49 ligeiros. Até terça-feira, os militares da GNR «vão patrulhar e fiscalizar sobretudo as estradas com destino aos locais onde decorrem as festividades do Carnaval, e estar atentos à falta de carta de condução, ao excesso de velocidade, à condução sob efeito d
Guiné-Bissau O Fundo das Nações Unidas (ONU) para a Infância (UNICEF) ofereceu um carro Todo-o-Terreno e 85 motas ao Ministério da Saúde Pública guineeense. Citado pela Rádio Sol Mansi, o ministro da Saúde Pública, Carlitos Barai, disse que as referidas doações «visam apoiar o reforço da capacidade institucional do governo em termos de transportes, para que os técnicos possam penetrar nas zonas mais longínquas do país», permitindo, assim, «o melhoramento da vida sanitária das populações». Por sua ve
Estados Unidos Cerca de 250 pessoas concentraram-se este domingo, em Nova Iorque, para apoiar o diário ‘The New York Times’, contra a administração Trump, numa altura em que o tom de crispação entre os ‘media’ e a Casa Branca aumenta. E parece não ficar por aqui. Conhecida como r«eduto democrata», Nova Iorque tem sido cenário de várias manifestações anti-Trump desde que o milionário foi eleito 45.º presidente dos EUA, em novembro de 2016. Os manifestantes concentraram-se em frente ao edifício do ‘The Ne

destaques