TERÇA-FEIRA, 31-05-2016, ANO 17, N.º 5967

mais do dia

Itália O Tribunal de Apelação de Florença confirmou, esta terça-feira, em segunda instância, a condenação a 16 anos de prisão do capitão do navio de cruzeiros Costa Concordia, cujo naufrágio, em janeiro de 2012, ao largo de Itália, fez 32 mortos. O antigo comandante do transatlântico, Francesco Schettino, que esteve ausente da audiência, fora condenado, em fevereiro de 2015, por «homicídio, abandono de navio e naufrágio», pelos juízes do tribunal de Grosseto, na Toscana, onde o seu julgamento em pri
Turquia Merve Büyüksarac, Miss Turquia 2006, foi condenada a 14 meses de prisão, com pena suspensa, por ter, alegadamente, insultado o presidente Recep Erdogan através de um poema, partilhado em algumas redes sociais, em 2014. O poema em causa – que não é da autoria de Büyüksarac - fazia uma espécie de adaptação humoristica do hino nacional para provocar o chefe de Estado. A ex-modelo, 27 anos, atualmente escritora e designer industrial, foi brevemente detida quando o caso começou, ao abrigo de
Japão O Japão condenou, esta terça-feira, o lançamento de um míssil balístico de médio alcance pela Coreia do Norte, considerando tratar-se de «uma provocação inaceitável», tanto para «o executivo de Tóquio como para a comunidade internacional. O ministro dos Negócios Estrangeiros do Japão, Fumio Kishida, referiu-se, assim, em conferência, ao último lançamento do regime de Pyongyang, alegadamente «sem êxito», de um míssil de médio alcance, segundo fonte do Ministério da Defesa da Coreia do Sul.
Conteúdo inexistente.

destaques