QUINTA-FEIRA, 26-05-2016, ANO 17, N.º 5962

mais do dia

Líbia Um novo naufrágio de migrantes esta quinta-feira no Mediterrâneo matou pelo menos 20 pessoas, divulgou a agência France Press. No entanto, de acordo com a guarda costeira italiana, o número de mortos pode chegar aos 80. Apenas 24 pessoas conseguiram ser resgatadas. «Um avião luxemburguês localizou a cerca de 35 milhas (65 quilómetros) da costa da Líbia uma embarcação que adornou, com cerca de uma centena de migrantes na água ou agarrados aos destroços. Os mortos estimados são entre 20 e 30 pe
Niassa Um ano e seis meses de prisão é a pena que o tribunal judicial de Lichinga, na província de Niassa, aplicou ao presidente do Conselho Municipal da cidade de Lichinga, Saíde Amido, mas convertidos em multa, ou seja, o réu deverá indemnizar o Estado em cerca 200 mil meticais mais de três mil euros. O edil de Lichinga foi condenado depois de o colectivo de juízes ter dado como provado o abuso de poder e actos de corrupção por parte de Saíde Amido, num julgamento que durou apenas um dia e que vi
Síria O Observatório dos Direitos Humanos sírio anunciou que o Estado Islâmico destruiu, esta quinta-feira, seis aviões e helicópteros militares russos numa base aérea no deserto central da Síria. Segundo a organização, os aparelhos aéreos e dois depósitos de munições e combustíveis foram queimados durante o ataque do grupo extremista. Recorde-se que no passado dia 13 de maio o Daesh disparou vários projéteis contra o aeroporto militar T4, na província central de Homs, mas o Ministério da Defesa
Conteúdo inexistente.

destaques