TERÇA-FEIRA, 28-03-2017, ANO 18, N.º 6268
JEEP
Jeep Compass II na Europa em 2018
19:27 - 27-11-2016
A Jeep soma e segue, apresentando-se cada vez mais como marca de referência para o consórcio Fiat Chrysler Automobiles, consequência do crescimento veloz nos principais mercados internacionais que regista (por exemplo, na Europa, nos primeiros 10 meses de 2016, progresso de 22,3%, contra a média de 7,2% na região, para 85.624 viaturas). Agora, como novidade, 2.ª geração do Compass. O sucessor do SUV compacto de 2006 tem lançamento no Velho Continente programado para o início de 2018, muitos meses depois da apresentação no salão de Genebra (9 a 19 de março de 2017).

Apresentado como o «SUV compacto mais capaz de sempre», o Compass é automóvel fundamental para o futuro da Jeep, por competir numa classe que vale cada vez maior número de vendas, contra Qashqai & Cia. O Jeep tem 4,420 m de comprimento e 2,640 entre eixos, enquanto o Nissan mede, respetivamente, 4,370 m e 2,646, o que permite antecipar alguma vantagem do modelo norte-americano tanto na habitabilidade como na capacidade de carga.

Este automóvel não substitui apenas o Compass. Proximamente, ponto final, também, na produção do Patriot, que sairá de cena sem sucessor. O SUV compacto fabricar-se-á no Brasil, na China, na Índia e no México (a geração atual é produzida nos EUA, decisão que contraria as indicações da administração nova da Casa Branca…). Na imagem, Jeep da cabeça aos pés, com a grelha tradicional de sete barras verticais no rosto. Na edição norte-americana, quatro níveis de equipamento – Sport, Latitude, Limited e Trailhawk, por ordem ascendente de preço –, tração dianteira ou quatro rodas motrizes (sistema Active Drive), motor de 4 cilindros e 2 litros a gasolina, com 180 cv, e caixa manual de 6 velocidades (em opção, caixa automática de 6 velocidades para os modelos 4x2 e de 9 velocidades para os 4x4). O Trailhwahk dispõe de mais 20 mm de altura livre ao solo e para-choques específicos, redutoras e programa de condução específico (Rock) para o fora de estrada mais agressivo. Demais modos: Auto, Snow, Sand e Mud. Nesta versão, 490 mm de capacidade de vau e 30º de ângulo de ataque, 24.º de ângulo ventral e 34º de ângulo de saída.

Na Europa, o Compass baseado na mesma plataforma do Renegade (4,394 m) e do Fiat 500X apresentar-se-á com motores mais pequenos, vide o 1.6 e-TorQ (110 cv) e os 1.4 MultiAir (140 cv e 170 cv) a gasolina ou o 1.6 Multijet (120 cv) e o 2.0 Multijet (140 cv) a gasóleo. Para o cockpit, a Jeep reivindica qualidades de nível premium e sistemas de info-entretenimento de ponta, com monitores táteis no centro do painel, com 5’’, 7’’ e 8’’, que admitem a integração de smartphones Apple e Android.
Auto Foco

VÍDEOS RELACIONADOS
Imprimir Enviar e-mail Facebook Twitter

mais de JEEP

JEEP Novo Jeep Compass foi apresentado no Salão Automóvel de Genebra, com regresso ao mercado europeu calendarizado para este ano, assumindo-se claramente como alternativa a m